Portfólio físico: sua importância, como montar e conservar.

O portfólio físico ainda tem muita importância, por incrível que pareça. Mesmo hoje em dia, com tantas opções práticas e baratas para criar e manter uma galeria virtual com seus desenhos, é preciso ter um portfólio físico também. Afinal, a internet pode falhar, pendrives e HDs podem ser corrompidos. Também a pessoa para quem você quer mostrar seus desenhos pode preferir vê-los no papel.

A pasta portfólio não precisa ter centenas de páginas. Escolha umas dez, no máximo vinte de suas melhores artes. Organize-as em ordem crescente de qualidade, de modo que a mais bonita de todas fique por último.

Qualquer que seja o modelo de pasta que decidir comprar, certifique-se que seus sacos plásticos sejam de boa qualidade, para que protejam bem os seus desenhos. Há muitas opções boas a preços razoáveis nas grandes papelarias e lojas especializadas. Se você mora perto do mar, evite aquelas que têm peças metálicas, pois logo irão enferrujar. Guarde-a em lugar seco e longe do sol.

Para garantir que seus desenhos se conservem por bastante tempo sem desbotar, você pode aplicar um verniz fixador neles antes de colocá-los na pasta. Esse verniz é em spray, e encontra-se à venda em lojas de material artístico por cerca de 25~30 reais a lata (preço pesquisado na data de publicação desta matéria). Siga com atenção as instruções de aplicação do produto e espere secar bem antes de guardar.

Veja também: Aprenda a desenhar do zero

Não esqueça de identificar sua pasta portfólio. Algumas já vêm com etiqueta, aí é só preencher com seus dados.

Pronto! Agora você tem um portfólio caprichado para mostrar!

The following two tabs change content below.

Equipe HnP News

Latest posts by Equipe HnP News (see all)