Personagens femininas bacanas – dicas de criação

Personagens femininas bacanas são um desafio, principalmente para escritores de HQ e mangá. Por muito tempo a mídia foi totalmente voltada para o público jovem masculino, e por conta disso, o foco das histórias era quase sempre nos personagens masculinos. As mulheres nas HQs e mangás apareciam para “enfeitar”, ou serviam apenas de ferramentas de roteiro ou “escadas” para ajudar o protagonista a brilhar mais. Ou seja, há poucos bons modelos em que se basear para criar personagens femininas bacanas.

Para tentar ajudar a resolver esse problema temos aqui algumas dicas de criação para você. Algumas delas servem não só para personagens femininas mas também para personagens de um modo geral.

  • Cuidado com os estereótipos – não há problema em recorrer a estereótipos. Eles são facilmente assimilados pelo leitor e oferecem um norte para autores inexperientes. O que não pode acontecer é você se limitar apenas a reproduzir o estereótipo, sem acrescentar ou mudar nada. Sempre procure dar um “algo a mais” à sua criação, mesmo que ela seja só uma personagem secundária. Que tal se a namoradinha do herói NÃO quisesse casar com ele? E se ela fosse uma mega empresária de sucesso, uma versão feminina do Bill Gates?
  • Não force a barra – quando o protagonista está precisando brilhar mais, é muito comum que autores acabem vitimando alguma personagem feminina para provocar drama necessário. O grande problema é quando o autor força a barra para que isso aconteça, inclusive quebrando a lógica da personagem. Um exemplo é quando a personagem inicialmente apresentada como “guerreira imbatível”, acaba sendo facilmente derrotada e sequestrada pelo vilão. Ou a super-espiã-super-inteligente que cai numa armadilha boba e, adivinha? Sim, acaba sendo sequestrada pelo vilão. Não force a barra. Existem caminhos melhores, mais criativos, para fazer o seu protagonista brilhar.
  • Procure referências reais – mulheres de verdade são um ótimo ponto de partida para criar personagens femininas bacanas. Preste atenção nas mulheres que você admira (ou tem medo, caso queira criar uma vilã), pode ser sua mãe, avó, irmã, amiga. Como elas reagem, o que elas fazem ou dizem para despertar sua admiração (ou medo)? Tente incorporar isso à sua criação.

Veja também: Aprenda a desenhar de tudo

E aí, todo mundo pronto para criar personagens femininas bacanas? Esperamos que nossas dicas tenham ajudado. Vamos lá!

 

 

The following two tabs change content below.

Equipe HnP News

Latest posts by Equipe HnP News (see all)