Demolidor na Netflix| Tudo que você precisa saber sobre o Justiceiro!

Justiceiro - Heróis no Papel

Antes de tudo eu confesso: fui um dos que odiou a escolha de Jon Bernthal a princípio. Possivelmente porque eu detestava o Shane de The Walking Dead, realmente detestava. Como uma leitora do site disse: “O que estão fazendo escolhendo o cara que foi passado pra trás pelo marido da viúva de Michael Scofield?”. Não se preocupe, se você não entendeu todas as ligações você não tem Déficit de Atenção. \o/

Mas com o caminhar das coisas eu fui vendo o cara mais como ator e menos como Shane e tô me acostumando com a ideia. O cara parece estar bem envolvido com o projeto e com os fãs (toda hora aparece foto dele comprando revista ao lado de algum fã e tal).

O que me preocupa é que eu adoro anti-heróis. Adoro. Justiceiro, Deadpool, o Super Homem em Injustiça (o melhor super homem de todos, à propósito). Então eu fico muito preocupado de o personagem não parecer verdadeiro. E por verdadeiro eu quero dizer sanguinário e com pouquíssimo respeito pela vida humana, quando falamos de vilões inimigos.

Quem é o Justiceiro?

Nascido em Nova Iorque, com o nome Francis Castiglione, alistou-se como Fuzileiro dos EUA e foi sendo promovido até chegar a Capitão. Casado com Maria, que já estava grávida pela primeira vez mesmo antes do alistamento de Francis.

Castiglione serviu na guerra do Vietnam como líder em uma unidade e foi condecorado com uma medalha de honra, a cruz da marinha (que é a mais alta condecoração dada pelo Departamento da Marinha dos Estados Unidos e a segunda em valor dentre todas, sendo a medalha de honra a primeira), 3 vezes com a estrela de prata e com a estrela de bronze, 4 vezes com o coração púrpura e uma medalha da liberdade.

Depois do Vietnam, Francis Castiglione voltou para os EUA e teve uma segunda criança com sua esposa. Para voltar à zona de guerra contornou o sistema e ilegalmente se inscreveu para voltar aos fuzileiros com o nome de Frank Castle.

Seis anos depois do final do envolvimento dos EUA na guerra Frank passou a liderar o treinamento de Fuzileiros Navais nas proximidades de Nova Iorque. De férias, Frank levou a família ao Central Park, onde todos presenciaram um assassinato encomendado pela máfia.

Para não deixar testemunhas, os mafiosos mataram toda sua família a sangue frio e fugiram. Frank sobreviveu ao ataque, mas ficou profundamente traumatizado com isso. Frank nunca mais retornou para a Marinha. Era o nascimento do Justiceiro.

Eu gosto do Frank porque ele vê a área cinza, ou seja, nem sempre é melhor deixar um vilão escapar do que matar o cara. A morte de um pode evitar a morte de milhares. Coisa impensável para a maioria dos heróis.

Leia também: Por que você deveria cancelar sua TV por assinatura e ficar com o Netflix

Ele tem poderes?

Ele não tem super poderes, mas tem habilidades MUITO acima de um humano normal.

Mestre em Artes marciais

O cara é muito bom em combate corpo a corpo, justamente por ser um veterano testado por várias vezes em guerra. Mestre em Nash Ryu Jujutsu, Ninjutsu, Shorin-ryu Karate, Hwarang-Do, e Chin Na. Sem falar que suas habilidades com a faca deixariam muitos sangrando antes de verem ele se mover.

Excelente Sniper e Piloto

Pode atirar com qualquer arma, a qualquer distância em com as duas mãos sem perder precisão. Nada mal, né? Isso aliado à sua capacidade de pilotar helicópteros, cortesia do Governo dos EUA.

Perito em Interrogatórios

Sua criativade em termos de tortua e facilidade pra conseguir as informações que precisa deixaria Jack Bauer chorando e em posição fetal. Algumas vezes descritos como ‘obra de arte’, seus métodos de tortura personalizados para cada prisioneiro não têm precedentes em termos de sadismo e obtenção de resultados.

Qual a sua importância?

Justiceiro salva Homem Aranha

Justiceiro salvando o Homem Aranha na Guerra Civil

Ele foi a razão de o Aranha não ter morrido na Guerra Civil. Apesar de seus métodos nem sempre serem os mais sutis, ele sempre faz o que é certo, independente de quem ou quantos vilões tenha que matar pelo caminho.

Como a gente viu no Demolidor, Matt às vezes também sente esses impulsos assassinos, mas luta contra eles, enquanto Frank os deixa correr livre. E é nesse ponto que os heróis podem se desentender.

Será que Matt vai aceitar que o Justiceiro mate quem achar que deve morrer? Tentado evitar Spoilers, se formos julgar por um dos episódios da primeira temporada onde o professor do Demolidor, Stick, deparou-se com situação semelhante, os heróis vão ter vários momentos de tensão.

 

The following two tabs change content below.