Como publicar comics online

Como publicar Comics no HnP

Comics são um dos produtos mais consumidos no mundo todo. Produzidos em escala industrial, movem uma receita de bilhões de dólares por ano. DC Comics e Marvel Comics, as maiores editoras de quadrinhos, comercializam e exportam as HQs por todo o globo. E para dar lugar aos artistas independentes, a equipe do Heróis no Papel decidiu liberar espaço no site para a divulgação e publicação de comics de nossos leitores. Aqui você pode publicar seu comics e todos os estilos de quadrinhos. O HnP acredita que as produções autônomas também merecem ser compartilhadas. Nosso foco é tentar resolver o problema da questão “quero publicar meus quadrinhos e comics, mas não sei onde”. Quem quiser publicar quadrinhos no site se liga nessa matéria!

Mas antes de explicar como publicar seu comics no HnP, aqui vai uma retrospectiva do que é e porquê gostamos tanto de HQ. Originário dos EUA, o termo comics provém da expressão “cômicos” e designa as histórias em quadrinhos produzidas no país. As primeiras versões dos gibis narravam apenas comédias, histórias engraçadas, gerando a palavra usada até hoje. Nos dias atuais, encontramos gêneros variados, como ação, policial, ficção científica, romance, entre outros.

Uma de suas principais características são o detalhamento e a grande variedade de cores. Mas não é regra, pois existem comics em preto e branco. Seus desenhos possuem um estilo mais acadêmico e realista. Além disso, seu formato é bem peculiar, seguindo um padrão estabelecido desde 1975. Nessa época, se padronizou o tamanho das edições que passaram a ter 17 x 26 cm (conhecido como “formato americano”).

Os Comic Books (gibis ou revistas em quadrinhos) surgiram nos anos de 1930 e os EUA lideravam o ranking de publicações. Mas, Reino Unido, Alemanha e Japão também produziam suas próprias HQs, além de consumirem as revistinhas americanas. No Brasil, as histórias em quadrinhos tiveram grande aceitação e influenciaram diversos artistas brasileiros.

O primeiro exemplar de um quadrinho surgiu em Nova York e data de 1842. Era comum virem em tirinhas e livros de capa dura. Um dos mais conhecidos foi “The Adventures of Obadiah Oldbuck” de Rodolphe Töpffer. Logo depois, em 1901, surgiu a primeira revistinha em quadrinhos colorida, a “The Blackberries”. A partir de 1922 as revistas começaram a circular mensalmente.

The-Adventures-of-Obadiah-Oldbuck

O período compreendido entre o final dos anos 30 e o final dos anos 40 ficou conhecido como “Era de Ouro” dos quadrinhos americanos. Durante a 2ª Guerra Mundial, a Action Comics e Capitão Marvel venderam mais de 500 mil exemplares por mês, fazendo com que os quadrinhos se tornassem um dos meios de entretenimento mais baratos e populares.

action-comics

Com o final do conflito, as vendas das HQs caíram nos Estados, perdendo espaço para a televisão e a massificação da literatura popular. Já nos anos 60, o público das revistinhas se expandiu, atraindo muitos universitários que estavam interessados na nova narrativa apresentada por Stan Lee: os super-heróis agora viviam no “mundo real”.

Stan-Lee

Foi também nas décadas de 1960 e 1970 que ocorreu a popularização dos quadrinhos underground. Eram publicações independentes e que estavam fora do circuito das grandes editoras. Com personagens desajustados e irreverentes, esses quadrinhos representavam a contracultura vigente. O movimento chegou ao fim nos anos 1980, substituído por quadrinhos alternativos e direcionados para o público adulto.

Juntamente com o final dos quadrinhos underground, surgiram os quadrinhos dos anti-heróis. Duas minisséries publicadas pela DC Comics, Batman: The Dark Knight Returns e Watchmen, causaram uma mudança na indústria de HQs. Os temas das histórias foram mudando, acompanhando a evolução do gosto da sociedade. A popularidade dos anti-heróis como Justiceiro e Wolverine foram essenciais na construção de novas narrativas independentes, como os quadrinhos obscuros, com histórias que abordavam genocídio e perseguição étnica.

A partir dos anos 2000, o sucesso dos quadrinhos deu uma diminuída, apesar de as editoras lançarem as histórias especiais. Nesse meio tempo, as revistas deixaram de ser consumidas em massa como nas décadas anteriores.

Mas, um novo veículo surgiu para dar uma alavancada nas vendas e popularidade das HQs. As grandes editoras começaram a utilizar o cinema e outros meios, como jogos eletrônicos, para produzir e vender as histórias dos principais personagens, como o Homem-Aranha, Batman, Quarteto Fantástico, Super-Homem, entre tantos outros super-heróis.

Para fugir desse monopólio, o Heróis no Papel decidiu investir no mercado independente, e por isso abriu espaço no site para quem quiser publicar comics (assim como publicar HQs de qualquer estilo) e divulgação de novos quadrinhos. O artista que quiser mostrar seu talento será bem-vindo ao HnP e terá o suporte de toda a equipe. Não há custo para publicar seu comics e os criadores ainda podem contar com apoio financeiro de doações realizadas pelos membros ou através da venda de produtos na loja virtual.

Para publicar comics no site é indispensável realizar um cadastro primeiro. No canto superior direito se encontra a “Área de Assinantes”, onde o autor vai criar um login e senha para ter acesso às publicações. Depois de fazer o cadastro, aparecerá a opção de montar perfil. A criação de um perfil não é obrigatória para publicar comics no site, porém, como todos as HQs ficam expostas num só local, no perfil, essa é a melhor maneira de divulgar seus quadrinhos.

Após ter realizado o login, é necessário entrar na “área de assinante” e clicar na seção “Enviar HQ”, a qual será redirecionado à área administrativa do site. Nessa página, deverá clicar na aba “Adicionar HQ”.

Foto ilustrativa

Foto ilustrativa

Em seguida uma tela se abrirá e aparecerá um campo de dados que deverá ser preenchido. Nome do quadrinho, apelido, descrição, capa, URL externa e tags deverão ser assinalados corretamente. As ilustrações da capa do quadrinho não devem ultrapassar a dimensão de 200px por 200px. Para salvar a imagem desejada, clique em Escolher ficheiro”.

como-postar-hq-online-05

Foto ilustrativa

O tamanho de cada figura do comics que você irá publicar não deve ultrapassar 1mb, sendo o ideal entre 700kb a 800kb. O HnP estipulou esse valor para não ocorrer lentidão ao abrir as figuras e ler os quadrinhos online. Para as imagens os valores permanecem em 850px de largura por altura proporcional. Caso algumas publicações tenham outros tamanhos, o sistema redimensionará automaticamente as medidas, o que pode comprometer a fluidez da leitura.

Em Categorias para esta HQé possível escolher qual delas se adapta melhor ao quadrinho que está sendo publicado. Há diversas opções para classificar a HQ. O mesmo se aplica para “Tags”. Para definir se a obra já foi publicada, está em andamento, ou cancelada, marque a opção correspondente em “Status”. Periodicidadeé o intervalo de tempo em que a HQ é atualizada.

Para preencher os itens “Autor(es) desta HQ:”, “Desenhistas desta HQ:”, “Editores desta HQ:” e “Roteiristas desta HQ”, é necessário obter um perfil de artista. Para tal, deve-se solicitar aos administradores da página. Se já houver um perfil de artista, basta preencher as informações com o nome correto e creditar ao quadrinho. Entretanto, o perfil não é obrigatório para publicar seu comics. É possível editá-la depois, a fim de acrescentar as informações restantes.

Se tudo estiver corretamente assinalado, só resta uma coisa a fazer: apertar o botãoSalvar” e publicar seus quadrinhos online. Para editar alguma informação clique em Editar HQ”. Na seção Adicionar/Gerenciar capítulos da HQ” pode-se adicionar capítulos referentes ao quadrinho, aumentando a narrativa. Para visualizar a HQ recém-criada na lista de quadrinhos, basta clicar em HQ.

O último passo para publicar seu comics é aguardar a aprovação da administração e logo ele aparecerá no site. Tudo o que é publicado no site passa pelo controle dos administradores, para impedir a publicação de conteúdos inadequados para o HnP.

O seu comics está publicado. O autor escreveu depois mais capítulos da história e quer acrescentar à obra. Como proceder? Clicando em “Adicionar Capítulos”.

Para adicionar os capítulos nos gibis é preciso estar logado e acessar a área administrativa. Depois, vá em HQs HnPe clique em HQ. Caso já exista um comic, ele aparecerá na lista. Passe o mouse em cima do quadrinho que deseja acrescentar o capítulo e clique em Adicionar Capítulo.

Preencha os dados necessários e o “slug” com letras minúsculas e tudo junto, onde será criada a URL para leitura do capítulo. Aperte Salvar”.

Em “Adicionar/Gerenciar imagens do capítulo” é possível inserir imagens e fotos para ilustrar a continuação da história. Clique em “Add files”, para carregar as figuras. Elas devem vir com um nome e em ordem numérica, como por exemplo: 08.jpg, 09.jpg. No botão Startse faz o upload. Em seguida clique em Statuse mude para Concluído. Finalmente é só clicar em Enviar.

Concluído! O capítulo foi adicionado. Como ocorreu com o comic, o capitulo também segue para aprovação dos administradores. Em caso de dúvidas, não hesite em entrar em contato com a equipe do Heróis no Papel.

Para você que sempre se perguntou: “Onde publicar meu Comics? Onde publicar meu quadrinho?”, o site Heróis no Papel veio para lhe dar esse suporte! HnP, onde você publica seus comics e derivados e faz sucesso!

The following two tabs change content below.