Como Criar Um Roteiro De História Em Quadrinhos

Como Criar um Roteiro de História em Quadrinhos

Como Criar um Roteiro de História em Quadrinhos

Apesar das Histórias em Quadrinhos – as famosas HQs – não serem nenhuma novidade, elas estão ganhando cada vez mais popularidade. Existentes há mais de 100 anos, esse gênero que mistura escrita e desenhos por muito tempo ficou restrito a um grupo bem específico de pessoas. Por não ser considerado como literatura, não era vista com bons olhos por um bom tempo, mas fez parte da infância e da juventude de muitas pessoas por aí.

De alguns anos para cá, os gibis e mangás tem se expandindo e ganhado um novo público. Isso se deve a uma série de fatores como, por exemplo, as séries animadas derivadas dos mangás, chamadas de animes, que trouxeram um público que não se interessava pelas histórias escritas, mas que gostaram da história por causa de animações.

Além disso, não podemos deixar de lado o papel do cinema e da televisão com famosas séries de TV e com as adaptações para a sétima arte que ampliaram de forma indescritível a popularidade das HQs, principalmente nos últimos anos.

O sucesso das HQs aqui no Brasil também é gigantesco. Tanto isso é verdade que foi criado aqui um serviço muito parecido com o Netflix, mas para os apaixonados por gibi. O Social Comics disponibiliza para o usuário diversos títulos, através do pagamento de uma mensalidade. Isso pode ser uma revolução na arte dos gibis.

Com o aumento do interesse por esse gênero, também houve um crescimento muito grande de pessoas que se interessam por fazer esse tipo de histórias, querendo fazer seu próprio roteiro de quadrinhos. Antes de começar a colocar sua ideia no papel, é importante entender como escrever um roteiro de história em quadrinhos. Para isso existem diversas dicas que falaremos mais a seguir.

Veja Também: Mude sua Visão de Mundo e Aprenda a Desenhar Treinando 5 minutos por dia

Como escrever o roteiro de quadrinhos?

roteiro de quadrinhos

Imagem de Zine Brasil

1 – Organize suas ideias

Como qualquer outro processo criativo, é importante que você já tenha na sua cabeça uma ideia base do que gostaria de ver na sua história para escrever sua HQ ou mangá. É importante que você anote todos os pontos principais da sua HQ: personagens principais, as características deles, reviravoltas ao longo da história e, claro, o final. Se você não sabe como sua história vai seguir, ela pode acabar ficando sem nexo e vazia.

Uma dica muito boa sobre isso é: pense no vilão ou anti-herói primeiro. Se ele for bem escrito e agradar o público, sua HQ já tem uma grande chance de ser sucesso.

2 – Atenção para continuidade da sua história

Como a dica anterior, essa não é só para quem quer escrever um roteiro de história em quadrinhos, mas sim para todos aqueles que pretendem criar qualquer tipo de roteiro. Se você não amarra bem a sua história, ela vai acabar tendo a continuidade prejudicada. Isso faz com que muitos leitores, ao perceber o erro, percam o interesse.

3 – Faça a conexão do seu roteiro escrito com a imagem

HQs são extremamente visuais. O enredo é tão importante quanto o desenho que é feito para acompanha-lo. Então tente sempre acompanhar o roteiro na hora de desenhar, para criar bons efeitos e momentos inesquecíveis na sua história. Lembre-se também que os balões de dialogo não devem ficar sobrecarregados de fala. Seja sucinto na escrita.

4 – Atente para a temporalidade nas HQs

Escrever um roteiro de história em quadrinhos muitas vezes se difere de outros roteiros pela questão de como o tempo é tratado. Nas HQs, o que vai marcar o tempo das ações que estão ocorrendo é a forma como os desenhos são colocados e organizados. Além disso, as imagens podem mostrar ações simultâneas a partir do posicionamento de cada quadro.

5 – Relação com o desenhista

Se não é você que vai fazer os desenhos da sua história é importante que você tenha uma relação bem afinada com o desenhista. Ele é a primeira pessoa que vai ler sua história e tem ainda um papel mais importante: a de fazer com que aquele roteiro ganhe vida no universo das HQs. Então é necessário que a comunicação entre ambas esteja sempre em dia para que nada saia diferente do planejado. Caso queira você mesmo desenhar o roteiro de quadrinhos que criará recomendo que assista esse vídeo aqui.

Veja também: curso online de desenho grátis do HnP – Aula 01

Livros recomendados para roteiro de HQs e Mangás

roteiro de mangás

Imagem WikiHow

Antes de tentar colocar em prática essas dicas sobre como escrever um roteiro de história em quadrinhos, é importante se informar sobre o assunto. Existe uma série de livros que podem ajudar o roteirista iniciante a começar essa jornada. Alguns deles estão aqui abaixo:

  • A Arte de Quadrinizar – Ivan Brunetti: livro muito bom para entender mais sobre os elementos básicos de uma história em quadrinhos e a importância dos desenhos.

  • Words for Pictures – Brian Michael Bendis: aqui é possível ter uma visão geral do mercado de quadrinhos, explicado por todos que o fazem – roteiristas, desenhistas e editores.

  • Eisner/Miller – Charles Brownstein: compara dois jeitos de fazer quadrinho – o tradicional e o atual.

  • Guia de Roteiros da DC Comics – Denny O’Neil: A DC Comics é uma das maiores editoras de quadrinhos do mundo todo. Nesse livro é possível ver um guia sobre o estilo americano de fazer HQs.

Existem muitos outros livros que podem te ajudar a fazer um roteiro de quadrinhos, mas esses já são um bom começo para quem está ingressando nesse tipo de projeto. Com essas dicas e a leitura dos livros citados acima, você já pode tornar possível o sonho de criar sua história em quadrinhos.

Caso, além de se especializar nos roteiros, também queira dicas sobre como desenhar, assista a esse VÍDEO com uma dica para você saber como começar.

 

Roteiro HQs

The following two tabs change content below.